Ocorreu um erro neste dispositivo

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

O SENHOR PRIMEIRO!!!





Quando se pensa que já tudo foi visto , ouvido e sentido na pele, há sempre mais um Coelho que salta da cartola e… pimba! Toma lá com mais uma, que é democrático!
Na década de 90 e princípios do Sec. XXI, Portugal abria-se à imigração por forma a combater a profunda regressão demográfica e a conseguir mão de obra barata para os projectos, alguns megalómanos , que se iniciaram com a época do betão do actual PR.
Chegados à segunda década do Século assisti boquiaberta ao apelo á Emigração feita pelo nosso PM.
De inicio ainda pensei tratar-se dos resquícios da malfadada gripe que me prostrou durante semanas. Uma coisa assim forte deixa por vezes sequelas e dá origem até a alucinações!!

Pensei que seria o caso e preparava-me já para me dirigir às urgências novamente , aproveitando enquanto ainda é possível, contando o meu estado alucinatório, convencidíssima de que deveria ser uma estirpe nova da gripe dos coelhos, a tal moléstia que os deixa com os olhitos piscos.
Afinal não!!
Era mesmo verdade!! O nosso Primeiro Ministro, de forma muito diplomática mas nem por isso menos clara, dizia que quem não está bem que se mude. Emigre! Faça-se à vida, que aqui não tem futuro!
Isto é que é uma mensagem de Natal!!!
Um Primeiro Ministro que assume que não é capaz de assegurar um futuro para Portugal, que dá como alternativa , ao que parece única, pois que não lhe ouvi mais nenhuma, sair do País , pegar nas malas e bater com a porta, é um PM que já perdeu as esperanças na Pátria que devia governar!
Caro Dr. Passos Coelho, por quem é , o Sr. na frente. Faça o favor!!